Reforma vai tirar direitos, afirma ministro do TST – Economia – Estadão

A reforma trabalhista vai retirar direitos dos empregados “com uma sagacidade sem par”, porque será em um processo gradual. A avaliação é do ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Mauricio Godinho Delgado. Em sessão de debate sobre a reforma no Senado, o ministro fez forte discurso contra a mudança na legislação, chegando a comparar o novo contrato de jornada intermitente à “servidão voluntária”.

 

Fonte: Reforma vai tirar direitos, afirma ministro do TST – Economia – Estadão

Deixe uma resposta