Trabalhadores da ELFE conquistam cumprimento de acordo no TEBAR

A empresa ELFE não estava cumprindo o acordo feito com o SINTRICOM no TEBAR. O piso salarial estava abaixo da tabela, a empresa estava descontando indevidamente o vale transporte, os pagamentos da ajuda de custo e da cesta natalina estavam abaixo do acordo vigente e a empresa não estava fazendo o registro dos trabalhadores 48h após o ASO.

Por esse motivo, diante de tanto abuso por parte dessa empresa, os trabalhadores decidiram entrar em greve junto com o SINTRICOM. Esses trabalhadores não abaixaram a cabeça e lutaram para que o direito deles fosse garantido e o pagamento fosse feito. Após 20 dias de paralisação (19/02 a 11/03), os trabalhadores conquistaram com o SINTRICOM um acordo que garante o pagamento que não estava sendo feito.

O acordo conquistado pelos trabalhadores junto com o SINTRICOM garante o pagamento da ajuda de custo conforme a cláusula 39ª do acordo que não estava sendo cumprido. A ajuda de custo estava sendo paga no valor de R$ 750,00 e agora será feito o pagamento integral de R$ 810,00, conforme a data de realização do ASO, e, retroativo da diferença de R$ 60,00 por mês. O desconto de 20% do valor da cesta natalina (R$ 79,32) que estava sendo feito será reembolsado aos trabalhadores. E os pisos salariais serão adequados conforme consta na tabela. Trabalhadores tiveram mais de 50% de aumento. Alguns, tiveram 30% de aumento. A empresa irá abonar os 20 dias de paralisação dos trabalhadores  integralmente, sem nenhum prejuízo financeiro.

Deixe uma resposta